Ikigai: Qual é o seu propósito de vida?

A proximidade do meu aniversário sempre me deixa muito reflexiva. E nesses dias de reflexão, juntamente com o confinamento por conta da pandemia, venho pensando que finalmente, aos meus quase 32 anos, finalmente tenho chegado cada vez mais próximo a minha realização plena, principalmente em relação ao que tange meu lado profissional.


Pessoas Felizes tem um propósito

Sentir que temos objetivos maiores dá sentido à nossa existência, como se explicasse a razão de você e eu estarmos aqui. Uma vida sem isso fica vazia, e, logo, nos deixa infelizes. Quando temos um propósito, por outro lado, a sensação é a de que estamos deixando uma contribuição, ainda que seja apenas para as pessoas mais próximas à nós.


Em outras palavras, nos sentimos realizados, fazendo a diferença. Atividades sintonizadas com nossos valores e que nos oferecem a oportunidade de viver com plenitude nossos dons e talentos são tão prazerosas que nos fazem até perder a noção do tempo.

O que significa Ikigai?

Embora não haja uma tradução direta, ikigai combina as palavras japonesas ikiru, que significa “viver”, e kai, que significa “a realização do que se espera”. Juntas, essas definições criam o conceito de “uma razão para viver” ou a ideia de ter um propósito na vida.


Como encontrar a sua missão?


1) Concentre-se no agora. Ao livrar-se das distrações e se conectar com o presente, você conseguirá ter uma percepção mais clara sobre si.

2) Descubra sua paixão. O prazer que você sente quando vivencia ou realiza algumas atividades é um indício do que pode levá-lo ao encontro do seu propósito.

3) Foque-se em sua essência. É preciso conhecer as características fundamentais da sua personalidade para saber usar suas qualidades no cotidiano.

Agora, faça a si mesmo estas quatro perguntas:

Com base no diagrama acima, há quatro perguntas que você pode fazer para encontrar seu objetivo: 1) O que você ama? (Isso fala com a sua paixão) 2) No que você é muito bom? (Isso fala com seus talentos) 3) O que você pode ser pago para fazer? (isso fala com a sua profissão) 4) O que é algo que o mundo precisa? (isso fala com sua missão)


Responda às perguntas e veja o que mais fala ao seu coração. Você meio que verá padrões se formando como uma espécie de tema. Existem interseções óbvias entre as quatro perguntas? Tome seu tempo e se você se sentir sobrecarregado, tire um tempo para respirar e faça depois.






Encontrar respostas e um equilíbrio entre essas quatro áreas pode ser uma rota para o ikigai para os ocidentais que procuram uma rápida interpretação desta filosofia. Mas no Japão, ikigai é um processo mais lento e muitas vezes não tem nada a ver com trabalho ou renda.


Em uma pesquisa de 2010, de 2.000 homens e mulheres japoneses, apenas 31% dos participantes citaram o trabalho como seu ikigai.


O que fazer depois de encontrar o seu propósito?


Seja qual for o seu "PORQUE", lembre-se de que ele pode ser desempenhado de diferentes maneiras ao longo da vida. Eu mesma costumava pensar que encontrar um propósito ou objetivo de vida significava que eu tinha traçado no meu destino realizar UMA ÚNICA pro resto da vida e é muito pelo contrário.


Após alguns anos descobri que meu objetivo era ajudar pequenos empreendedores através das ferramentas que aprendi e desenvolvi ao longo da minha carreira profissional. É minha esperança que o design seja algo acessível à todos, afinal, ele nasceu para ser um solucionador de problemas. Então de que adianta resolver o problema apenas de quem tem dinheiro pra investir nisso, quando sabemos que muitas pessoas entendem o valor e importância desse serviço, mas não possuem renda para tal?


Recentemente uma amiga me ligou pra contar sobre a incubadora de empreendedoras da qual estava fazendo parte e da qual estava amando participar e que vez ou outra lembrava de mim e falava pra ela mesma "isso tem tudo a ver com a Thaiata, ela deveria estar aqui!". Ao longo da conversa, eu contando um pouco mais do trabalho que vinha fazendo na Pappers, ela me solta uma frase: "Thaiata, você sabia que o que você faz é um trabalho de impacto social?" Fiquei meio em choque, mas depois que ela foi me explicando, entendi perfeitamente que era isso mesmo, por todos os motivos que citei mais acima.


Hoje sou designer, empreendedora, mãe e dona de casa. Já fiz conservatório de música, canto coral, teatro, sapateado e cada coisa que fiz e faço me traz muita alegria. No futuro, quero voltar as atividades artísticas que sempre amei fazer, quero escrever um livro, me tornar uma palestrante pra compartilhar com outras mulheres a minha experiência, estudar musicoterapia, viajar pelo mundo e muito mais!


A beleza de tudo isso é que, na raiz de tudo, está o meu desejo de ajudar as pessoas a dar um passo à frente com suas empresas e assim tornar seus sonhos realidade, e isso é o combustível que alimenta todas as minhas escolhas.


Portanto, depois de encontrar seu objetivo, faça um brainstorming de todas as maneiras pelas quais isso pode acontecer em sua vida. De que maneiras você pode usar esse objetivo para gerar renda? Ser alegre todos os dias? Como você pode fazer do mundo um lugar melhor? Que legado você deseja deixar para trás? Porque todo objetivo é na verdade um combustível. É ikigai, é o que faz você pular da cama, ter dias de alegria e saber o que traz significado à sua vida a qualquer momento.

É tudo sobre você e seu poder especial. Você já ouviu falar de ikigai antes? Que medidas você tomou para encontrar seu objetivo? Me conta nos comentários abaixo!



69 visualizações

Meios de Pagamento

Redes Sociais

  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Pinterest
  • Nosso Canal do Youtube!
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branco Twitter Ícone

© 2017-2020 Pappers Design Estratégico | CNPJ: 29.501.229/0001-91

Todas as imagens e criações são REGISTRADAS e estão sob proteção da Lei do Direito Autoral no. 9.610.
Desta forma, fica PROIBIDA qualquer reprodução ou divulgação das mesmas sem prévia autorização.